Emocionante DJ Eduardo PM elogia a esposa, veja

Em Novembro do ano passado, o entretenimento moçambicano ficou abalado e manchado após circularem notícias que davam conta de que um dos maiores DJ´s moçambicanos, Eduardo PM, tinha sido detido na cidade da Beira, em Sofala, por posse e venda de droga, denominada ecstasy.

Depois de cumprir cinco meses de prisão, PM reapareceu, pela primeira vez, semana passada, no programa Batidas, para falar sobre a sua detenção, embora se tenha distanciado de algumas questões pelo facto de estar ainda a correr um processo contra si, isto para não atrapalhar o trabalho das entidades responsáveis pela resolução definitiva da acusação que pesa sobre si.

“Depois do que passei na cadeia, não sei se seria capaz de prender um passarinho numa gaiola”, revelou Dj Eduardo PM visivelmente arrependido, em entrevista a Fred Jossias.

DJ Eduardo PM foi mais longe ainda ao reconhecer o papel da cadeia como um factor determinante para a mudança de comportamento e reintegração na sociedade.

“É díficil ver pessoas detidas sem condições humanitárias, pior ainda sem assistência da família. Acabamos ganhando sensibilidade, naturalmente, é normal que a pessoa saia com uma boa postura, por isso é que alguns saem de lá com uma certa noção do valor de Deus”, disse rematando que a Bíblia Sagrada, Casamento Blindado e Namoro Blindado são algumas das obras literárias que lhe faziam companhia na maior parte do tempo em que esteve atrás das grades.

PM revelou também que na comemoração das festividades do Natal e do Ano Novo, os reclusos, em jeito de brincadeira, exigiram que fizesse um espectáculo, por isso, avaliou positivamente a recepção e convivência com os demais cidadãos que se encontravam detidos por vários motivos.

No programa, Fred Jossias surpreendeu o convidado ao passar o depoimento da sua esposa sobre o sucedido. Sobre a sua companheira, PM disse que a sua maior preocupação era saber se a esposa iria adaptar-se à sua ausência e elogiou-a afirmando que foi uma mulher forte.



PortalMozNews

Relacionado

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *